Pesquisar

quinta-feira, 21 de junho de 2018

Telma Tavares grava single pela Warner Chapell Brasil, para lançamento em plataformas digitais

Foto/divulgação: Telma, Tuca, Dudu, o técnico de som Delano e Mafran
A compositora e cantora Telma Tavares acabou de entrar nos estúdios da Warner Chapell Brasil para gravar um single que tem lançamento programado para todas as plataformas digitais.  A música "Banda e Pandeiro", composição de Telma em  parceria com  Solange Boeke que pode ser conceituada como um mix de  MPB com elementos eletrônicos,  ganhou acento ainda mais pop com o arranjo - moderníssimo - de Tuca Alves. Tuca, também responsável pela guitarra na faixa, menciona que o mais relevante para a concepção do arranjo foi o encontro entre os elementos eletrônicos e acústicos: "- A m&u acute;sica pedia essa mistura, do eletro com o acústico, da guitarra e do baixo com os pandeiros. E terá muito tamborim e pandeiro para não perder a brasilidade".  Dudu Dias, contrabaixo, e Mafran do Maracanã, percussões analógica e eletrônica, acompanham Telma na gravação que está movimentando os estúdios da EDITORA da WEA.

"Banda e Pandeiro" é a primeira das  quatro músicas  que serão registradas por Telma, via Warner Chapell, em um futuro EP. Nos próximos meses, a artista também irá gravar outras canções em formato semelhante. "- Não me prendo a gêneros ou estilos, canto e componho o que sinto...o que minha veia transborda, eu exalo. Sempre quiseram me rotular, mas eu não me adapto à caixinhas ou gavetas. Gosto, mesmo, é de voar!", diz a compositora que tem sete músicas gravadas na voz de Alcione, e trabalhou com Beth Carvalho e Hermeto Pascoal, dentre muitos outros astros da MPB..

Telma Tavares, que contou com participações especiais, em seus álbuns, de Chico Buarque, Alcione, Hermeto, Leci Brandão, Carlos Malta, Roque Ferreira e Maurício Einhorn, dentre outros, já cantou em Marrocos (para o rei Hassan) e em Cuba (com Pablo Milanês e Silvio Rodriguez). A cantora tamtém participou de grandes musicais, como "A história de João-Joana" (de Sérgio Ricardo e Carlos Drummond de Andrade) e "O Alabê de Jerusalém"(de Altay Veloso).