Pesquisar

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

COM O TEATRO RIVAL LOTADO, LENY ANDRADE
E MIÈLE PRESTAM BELA HOMENAGEM A TOM JOBIM




De Luiz Carlos Lourenço
Fotos de Daniel Marques


Com o Teatro Rival completamente lotado, a cantora Leny Andrade e o show man Luiz Carlos Miele estrearam ontem à noite o espetáculo "Um brasileiro chamado Jobim", quando 54 músicas de Antonio Carlos Jobim foram interpretadas, em meio a narrativa de curiosas histórias envolvendo o famoso compositor, falecido há 20 anos atrás. O espetáculo será apresentado novamente neste sábado, a partir das 19h30m, restando poucos ingressos para o show desta noite.


Os clássicos de Antonio Carlos Jobim ~não podem faltar no espetáculo e as músicas foram agrupadas em blocos, com destaque para  Só danço samba, Triste, Desafinado, Wave, Samba do Avião, Eu Sei que Vou te Amar, Lígia, Nota Só, Água de beber, Luisa, Garota de Ipanema, Águas de Março e Dindi, entre outros grandes sucessos.
E para não repetir todas as merecidas homenagens ao Tom, estão no repertório músicas como: Estrada Branca, Esquecendo você, Olha pro céu, Por causa de você, Outra vez, Eu te amo, Piano na Mangueira e Fotografia.


O diferencial desta espetáculo está nas interpretações de Leny e nas histórias que Miele recolheu, contando detalhes dos encontros com Vinícius, Dolores Duran, Billy Blanco, Caymmi, Newton Mendonça, Paulo César Pinheiro, Chico Buarque, fazendo desses encontros um enredo. E também lembrando o talento poético do Tom em textos como “Urubu” e “Matita Perê”.
O show traz ainda lembranças muito divertidas de encontros com o maestro, que tinha sacadas de humor muito sofisticadas, e elas estão sempre no espetáculo.


Ao final do show da noite de ontem, a cantora Leny Andrade e Luis Carlos Miele reuniram-se com dezenas de fãs para autografar CDS e DVS, posando para muitas fotos com parte do público.
  







Serviço:
Teatro Rival Petrobras
Dia 21/2 Sábado, às 19h30
Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Cinelândia – Tel: 2240-4469