Pesquisar

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

UM ESPETÁCULO HISTÓRICO... E INESQUECÍVEL



De Luiz Carlos Lourenço
Fotos de Daniel Marques




Podem se considerar felizes e agraciados com momentos raros, todos os brasileiros que ontem, numa quarta-feira de ventos fortes seguidos de chuvas, compareceram na Academia Brasileira de Letras, no auditório Raymundo Magalhães Junior, e tiveram o privilégio de assistir  o espetáculo “Apoteose do samba: 90 anos do Sargento”, com Monarco e Nelson Sargento.

O show integra a série “MPB na ABL” de agosto de 2014 e teve a enorme felicidade e grande vantagem de contar com a participação do jornalista e musicólogo Ricardo Cravo Albin, responsável por um delicioso bate-papo informal com o público.


O evento superlotou os 280 lugares do confortável teatro que está localizado na  Avenida Presidente Wilson 203, Castelo, Rio de Janeiro e com um detalhe que o brasileiro mais aprecia, a entrada franca, e, na hora do almoço. Resumindo? Uma deliciosa sobremesa musical.
A série "MPB na ABL" tem patrocínio da Petrobras e promete, para Setembro, atração de igual porte: um espetáculo comemorativo dos 70 anos do compositor e cantor Chico Buarque de Holanda.


Difícil apontar as atrações conferidas na tarde de ontem: a verve e o delicioso bom humor dos dois artistas, NELSON SARGENTO e MONARCO, contando e cantando deliciosos sambas do mundo do samba e em especial de suas escolas do coração: a presença maciça de muitos artistas na platéia, como o pesquisador, produtor musical, escritor e diretor Haroldo Costa, os cantores e músicos Tânia Malheiros, Valmon Rodrigues e Junior Cardoso, e o carinho dos dois artistas com seus fãs, todos cantando e dançando, de pé, ao final Paulinho da Viola, com a poesia de "Foi um Rio que Passou na Minha Vida".











Nelson, Valmon Rodrigues e Junior Cardoso

Nelson e Tania Malheiros

Lourenço, Tania Malheiros e Ricardo Cravo Albin
Haroldo Costa e Tania Malheiros